terça-feira, 14 de outubro de 2008

Acerca do olhar-sentir


“Você pode ver o mundo com um olhar de luz em razão do amor; o mundo, porém, será moldado pela soma dos olhares prevalentes. Apesar disso, o seu mundo pode ser outro dentro de você. E se a maioria tivesse um mundo interior governado pelo olhar do amor como você, então, a realidade toda se faria moldar conforme a prevalência dos olhares do amor.

O mundo é feito de olhares, os quais são também pensamentos. Pensamentos fazem a ponte entre o olhar e a construção do olhar como algo transmissível como impressão da realidade.

O olhar é olhar mesmo no cego. Esse olhar é espírito. Esse olhar é inevitável. Esse olhar é o ser e sua manifestação como intérprete da vida e legislador de pensamentos que se tornarão em atitudes que se expressarão como atos e ações.

Não existe mudança da realidade sem mudança do olhar humano. Por isso não adianta converter um homem de uma religião para outra e de um deus para outro, se seu olhar essencial não for alterado pelo olhar de amor e fé.”

Caio Fábio, in “O OLHAR HUMANO ESTÁ ACABANDO COM O MUNDO — um caso de mal olhar coletivo!”

4 comentários:

sp disse...

o mundo é feito de olhares e de cegos que se olham!!!

um abraço peludo!

[Farelos e Sílabas] disse...

...

Estás certo! Penso que piores são os cegos que se recusam a enxergar com o olhar-sentir de dentro... eis o mundo!

Abração!

...

Pastor Márcio Retamero disse...

Concordo em gênero, número e grau com o Caio! E olha que isso tem ficado bem difícil ultimamente!

As pessoas carecem tanto de amor, anseiam tanto por amor, pedem tanto amor em suas vidas, mas, na hora de tratar com amor, concretizar o amor, olhar com amor, usam de mil e uma desculpas para lançar fora o amor!

Sonho e construo um mundo através do olhar do amor ao meu redor e desejo que seja assim entre todos e todas.

Beijos, amigo! Você é um cara que traz o amor no olhar e que enxerga pelo amor! Te amo, viu?!

[Farelos e Sílabas] disse...

...

Marcinho: De fato, sonhamos com um mundo no qual o olhar seja sempre a projeção do querer-bem a todos, o que vale dizer, querer que cada um seja conforme deve ser na sua particularidade tão individual - fruto do agir extraordinário de Graça sobre todos e todas.

Não tem sido assim, porém, em nossos dias. Os que falam de amor, quando falam, buscam sempre formas e métodos para normatizar o inormatizável, a saber, o Amor constrangedor Daquele que é Todo-amor!

Como você, não quero cansar de dizer na direção de todos os ventos que Ele não faz acepção de pessoas!

Obrigado pelo carinho de sempre, profeta urbano!

...

Related Posts with Thumbnails